FanFics Fórum

O Fórum fics. Todos os temas que quiseres para escreveres a tua!!
 
InícioInício  PortalPortal  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 "Everythins Change"

Ir em baixo 
AutorMensagem
SandraK.
Escritor


Número de Mensagens : 12
Data de inscrição : 10/08/2008

MensagemAssunto: "Everythins Change"   Dom Ago 10, 2008 4:22 am

“Everything Change


Era dia 29 de Junho e eu estava toda entusiasmada… era o dia por que tanto esperara…tinha chegado finalmente, o dia do concerto dos Tokio Hotel… O meu coração estava aos pulos…Depois de nos terem deixado em lágrimas, no dia 16 de Março, quando o concerto teve de ser cancelado, devido ao facto do vocalista (Bill), estar com uma Laringite, o tempo de espera ia finalmente compensar…
Apesar de eu ainda estar em baixo, por o meu namorado me ter deixado, a minha melhor amiga (Bea), com algum esforço…conseguiu convencer-me a ir ao concerto…


Ao Telefone:

Bea: Então é hoje o grande dia… Estás pronta?
Sandra (eu): Acho que sim…
Bea: Anima-te! Vais finalmente poder ver o teu amorzinho… O Bill!!!
Sandra: Tens razão… apesar de ser difícil esquecer o Ricardo (ex-namorado), tenho de seguir com a minha vida para a frente…
Bea: Assim é que é falar! Passo ás 14:00h em tua casa, para te buscar ok?
Sandra: Ok. Até já!
Bea: Até já!


Em minha casa:

Mãe: Sandrinha!!!
Sandra: Sim, mãe?
Mãe: Já tomaste banho? Já lavaste os dentes? Tens o telemóvel? Tens o bilhete?
Sandra: Sim, mãe! Já estou preparada!
Mãe: Tens a certeza?
Sandra: Claro mãe!!!

Toca a campainha:

Bea: Então vamos embora?
Sandra: Sim!


E como eu só tinha 13 anos e a Bea 16, o meu pai levou-nos de carro até ao Pavilhão Atlântico… Tava lá tanta gente… Mas de repente olho, para o meu lado direito e vejo o meu ex-namorado…Passei-me!!! Eu sabia que ele era fã dos Tokio Hotel… mas ele tinha-me dito que não ia…Fiquei com imensa vontade de me ir embora… mas já que estava ali ia aproveitar o concerto e mostrar-lhe que conseguia viver sem ele…Mas ele também me viu e com um ar de arrogante veio ter comigo…

Ricardo: Olá! Então por aqui? (com cara de espanto)
Sandra: Parece que sim…Mas sabias que eu vinha… Não sei para que é que é esse espanto!
Ricardo: Não estou espantado… Simplesmente não esperava que tu viesses… Afinal nós acabámos!
Sandra: Sim é verdade! Mas isso não significa que eu deixe de seguir a minha vida!!! Tu acabas-te comigo… Fixes-te a tua escolha…
Ricardo: Pois tens razão!!! Adeus!
Sandra: Adeus!

E finalmente estava na hora de entrar…Eu apesar de tudo estava entusiasmada… E a minha amiga… Bem essa nem se fala!!!

As luzes apagaram-se o concerto ia finalmente começar!!! Foi brutal!!! Todos vibraram ao som de Scream, Don’t Jump e quando chegou a vez de Rescue Me…parecia que todas as pessoas que esgotavam aquele recinto eram uma só uma…todos nos unimos, para fazer daquele dia, um dia memorável, tanto para nós, como para os 4 elementos que constituem a banda.
Já na hora de saída era só gente a chorar… E o Ricardo, chega-se ao pé de mim e beija uma rapariga…

Ricardo: Estás a ver? Eu também segui com a minha vida…

E nem me deu tempo para dizer nada! Virou-me as costas e foi-se embora, agarrado àquela miúda…Neste momento a única coisa que sentia pelo Ricardo era nojo!!! A Bea, quando ele me fez isto, já se tinha ido embora… Não tinha ninguém para me apoiar… Sentei-me nas escadas do Pavilhão e as lágrimas escorriam-me pela face, sei que eu as pudesse controlar… Entretanto o Bill que estava a dar autógrafos, viu-me e veio ter comigo…


Espero que tenham gostado...  Comentem…


Última edição por SandraK. em Sab Ago 23, 2008 5:09 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Anîtta Kaulitz
Escritor


Número de Mensagens : 6
Idade : 24
Localização : Cama do Tooom !!!
Emprego/lazer : Violar o Tom todas as noites
Famoso Favorito : Tooooooooooooooooooom Kaulitz
Data de inscrição : 10/08/2008

MensagemAssunto: Fanfic xD   Dom Ago 10, 2008 4:53 pm

tá fize =D
Continua Very Happy
Olha vê a minah e diz o que achas e se quisers dar ideias tá À bontade Very Happy
Küsses <3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
SandraK.
Escritor


Número de Mensagens : 12
Data de inscrição : 10/08/2008

MensagemAssunto: Re: "Everythins Change"   Seg Ago 18, 2008 11:21 am

Anîtta Kaulitz escreveu:
tá fize =D
Continua Very Happy
Olha vê a minah e diz o que achas e se quisers dar ideias tá À bontade Very Happy
Küsses <3


obrigada Very Happy
a tua tb ta mt fixe
continua Smile
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Anîtta Kaulitz
Escritor


Número de Mensagens : 6
Idade : 24
Localização : Cama do Tooom !!!
Emprego/lazer : Violar o Tom todas as noites
Famoso Favorito : Tooooooooooooooooooom Kaulitz
Data de inscrição : 10/08/2008

MensagemAssunto: Re: "Everythins Change"   Qua Ago 27, 2008 6:12 am

Tá muito fizze Very Happy
Continua Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
SandraK.
Escritor


Número de Mensagens : 12
Data de inscrição : 10/08/2008

MensagemAssunto: Re: "Everythins Change"   Sab Ago 30, 2008 10:23 am

Anîtta Kaulitz escreveu:
Tá muito fizze Very Happy
Continua Very Happy

obrigada... sao komentarios komu os teus k me faxem kontinuar a exkrever Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Anîtta Kaulitz
Escritor


Número de Mensagens : 6
Idade : 24
Localização : Cama do Tooom !!!
Emprego/lazer : Violar o Tom todas as noites
Famoso Favorito : Tooooooooooooooooooom Kaulitz
Data de inscrição : 10/08/2008

MensagemAssunto: Re: "Everythins Change"   Dom Ago 31, 2008 6:30 am

Então continua .. Pq tu deixas'me mais curiiiooosa do que o que já sou de naturezza x)
Quero ver mais rápidamente Wink
Kiss @
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
SandraK.
Escritor


Número de Mensagens : 12
Data de inscrição : 10/08/2008

MensagemAssunto: Re: "Everythins Change"   Seg Set 01, 2008 2:04 am

Anîtta Kaulitz escreveu:
Então continua .. Pq tu deixas'me mais curiiiooosa do que o que já sou de naturezza x)
Quero ver mais rápidamente Wink
Kiss @

Bem obrigada mais uma vez... Very Happy Não sei se já leste mas eu já postei até ao capitulo 6...
E ainda tenho um longo caminho pela frente... lol!
eu até escrevo rápido, mas ultimamente não tenho podido, devido a problemas pessoais... Mas eu vou voltar a postar em breve!!! Razz
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
SandraK.
Escritor


Número de Mensagens : 12
Data de inscrição : 10/08/2008

MensagemAssunto: Re: "Everythins Change"   Ter Set 30, 2008 1:14 pm

SandraK. escreveu:
“Everything Change


Era dia 29 de Junho e eu estava toda entusiasmada… era o dia por que tanto esperara…tinha chegado finalmente, o dia do concerto dos Tokio Hotel… O meu coração estava aos pulos…Depois de nos terem deixado em lágrimas, no dia 16 de Março, quando o concerto teve de ser cancelado, devido ao facto do vocalista (Bill), estar com uma Laringite, o tempo de espera ia finalmente compensar…
Apesar de eu ainda estar em baixo, por o meu namorado me ter deixado, a minha melhor amiga (Bea), com algum esforço…conseguiu convencer-me a ir ao concerto…


Ao Telefone:

Bea: Então é hoje o grande dia… Estás pronta?
Sandra (eu): Acho que sim…
Bea: Anima-te! Vais finalmente poder ver o teu amorzinho… O Bill!!!
Sandra: Tens razão… apesar de ser difícil esquecer o Ricardo (ex-namorado), tenho de seguir com a minha vida para a frente…
Bea: Assim é que é falar! Passo ás 14:00h em tua casa, para te buscar ok?
Sandra: Ok. Até já!
Bea: Até já!


Em minha casa:

Mãe: Sandrinha!!!
Sandra: Sim, mãe?
Mãe: Já tomaste banho? Já lavaste os dentes? Tens o telemóvel? Tens o bilhete?
Sandra: Sim, mãe! Já estou preparada!
Mãe: Tens a certeza?
Sandra: Claro mãe!!!

Toca a campainha:

Bea: Então vamos embora?
Sandra: Sim!


E como eu só tinha 13 anos e a Bea 16, o meu pai levou-nos de carro até ao Pavilhão Atlântico… Tava lá tanta gente… Mas de repente olho, para o meu lado direito e vejo o meu ex-namorado…Passei-me!!! Eu sabia que ele era fã dos Tokio Hotel… mas ele tinha-me dito que não ia…Fiquei com imensa vontade de me ir embora… mas já que estava ali ia aproveitar o concerto e mostrar-lhe que conseguia viver sem ele…Mas ele também me viu e com um ar de arrogante veio ter comigo…

Ricardo: Olá! Então por aqui? (com cara de espanto)
Sandra: Parece que sim…Mas sabias que eu vinha… Não sei para que é que é esse espanto!
Ricardo: Não estou espantado… Simplesmente não esperava que tu viesses… Afinal nós acabámos!
Sandra: Sim é verdade! Mas isso não significa que eu deixe de seguir a minha vida!!! Tu acabas-te comigo… Fixes-te a tua escolha…
Ricardo: Pois tens razão!!! Adeus!
Sandra: Adeus!

E finalmente estava na hora de entrar…Eu apesar de tudo estava entusiasmada… E a minha amiga… Bem essa nem se fala!!!

As luzes apagaram-se o concerto ia finalmente começar!!! Foi brutal!!! Todos vibraram ao som de Scream, Don’t Jump e quando chegou a vez de Rescue Me…parecia que todas as pessoas que esgotavam aquele recinto eram uma só uma…todos nos unimos, para fazer daquele dia, um dia memorável, tanto para nós, como para os 4 elementos que constituem a banda.
Já na hora de saída era só gente a chorar… E o Ricardo, chega-se ao pé de mim e beija uma rapariga…

Ricardo: Estás a ver? Eu também segui com a minha vida…

E nem me deu tempo para dizer nada! Virou-me as costas e foi-se embora, agarrado àquela miúda…Neste momento a única coisa que sentia pelo Ricardo era nojo!!! A Bea, quando ele me fez isto, já se tinha ido embora… Não tinha ninguém para me apoiar… Sentei-me nas escadas do Pavilhão e as lágrimas escorriam-me pela face, sei que eu as pudesse controlar… Entretanto o Bill que estava a dar autógrafos, viu-me e veio ter comigo…


Espero que tenham gostado...  Comentem…





2 º Capítulo

Bill: O que é que tens? (limpando-me uma lágrima que me escorria pela face).
Sandra: Bill? Que fazes aqui?
Bill: Estava a dar autógrafos e vi-te a chorar… Mas o que é que tens?
Sandra: Nada… Deixa-me estar sozinha…
Bill: Desculpa a minha teimosia, mas não me parece que estejas bem…
Sandra: A sério, eu estou bem…(e escorre-me uma lágrima pela face).
Bill: Podes confiar em mim… É bom desabafar… Mas antes de mais, posso saber o nome, de uma cara tão bonita… (e sorri)
Sandra: Claro que podes… Sou a Sandra…
Bill: Eu sou o Bill…Olha eu agora tenho de ir para dentro, porque é um perigo estar aqui fora (ri-se)… Queres ir comigo para os bastidores? Para me contares o que se passa?
Sandra: Eu já sei o teu nome (fazendo um breve sorriso). E como é que sabes que eu não sou perigosa?
Bill: Não me parece que tu, nesse estado, me vás fazer mal…
Sandra: Pois tens razão! Ok, podemos ir!

Já nos bastidores:

Bill: Malta, esta é a Sandra.
Sandra: Olá!
Todos: Olá.
Bill: Sandra, senta-te ali, para nós conversarmos…
Sandra: Ok.
Bill: Então há quanto tempo é que gostas dos Tokio Hotel?
Sandra: Desde 2003! A minha melhor amiga é Alemã e por isso ela falou-me de vocês… eu ouvi a vossa música e adorei!!! Tu cantas muito bem!
Bill: Obrigada! E qual é o teu preferido da banda?
Sandra: Tu!
Bill: Obrigada mais uma vez…(fazendo aquele sorriso que derrete, qualquer uma)
Sandra: De nada! ?
Bill: Boa! Já consegui arrancar-te um sorriso! Com um sorriso, tão bonito… não percebo por que é que estavas a chorar!
Sandra: Se dependesse de mim, passava a vida a sorrir… mas não depende…
Bill:Claro que depende… Nós podemos sempre controlar os nossos sentimentos…
Sandra: Sim… Mas nem sempre podemos controlar, o que as pessoas nos fazem…
Bill: O que é que queres dizer com isso? Alguém te fez mal?
Sandra: Não… esquece…
Bill: Desculpa, mas agora que começaste vais acabar…
Sandra: Não quero que fiques chateado comigo… mas prefiro não contar… É algo muito pessoal…
Bill: Ok… Eu percebo… Mas promete-me, que um dia, quando tiveres confiança em mim, que me contas…
Sandra: Está combinado! (olho para o relógio) Olha desculpa, mas vou ter de me ir embora…
Bill: Ok… Mas… Eu dou-te o meu número e amanhã eu ligo-te para nós sairmos…pode ser?
Sandra: Sim, claro… Depois de teres sido tão simpático comigo, como é que eu podia recusar? As pessoas ás vezes, pensam que só por vocês, serem famosos, que não têm sentimentos... que não se preocupam com os outros… mas hoje eu apercebi-me, eu as pessoas estavam totalmente enganadas! ?
Bill: Obrigado ?
Sandra: Bem adeus a todos!
Todos: Adeus!
Georg: Prazer em conhecer-te!
Sandra: Igualmente!



Nos bastidores depois de eu ter saído:

Tom: Bill tu gostaste mesmo dela não foi?
Bill: Não sei do que é que estás a falar…
Tom: Sabes sim… não te faças de parvo que tu de parvo não tens nada…
Bill: Sim, é verdade…
Tom: Eu sabia… Vai-te a ela…
Bill: Cala-te!
Tom: Já trocaram os números de telemóvel e tudo… isso está a ficar sério…hum…
Bill: Como é que sabes que trocamos os números de telemóvel?
Tom: Eu vi..
Bill: Ah ok… Até amanhã! Estou a ficar com sono!
Tom: Até amanhã! Sonha com a Sandra!!!
Bill: Podes ter a certeza de que vou sonhar com ela!!!

Comentem…?

3º Capitulo

No dia a seguir de manhã, o meu telemóvel toca:

Bill: Bom dia! Estás melhor?
Sandra: Sim, obrigada…
Bill: Tu por acaso, não te importas de me mostrar a cidade?
Sandra: Não… Também não tenho nada para fazer! ?
Bill: Então onde é que nós nos encontramos?
Sandra: Se pudesses vir buscar-me a casa… Dava-me mais jeito…
Bill: Sim posso… Eu tenho carro por isso não há problema…
Sandra: Mas não te importas?
Bill: Claro que não! Tens é de me dizer onde moras e a que horas é que queres que eu te vá buscar…
Sandra: Eu depois mando-te uma mensagem ok?
Bill: Ok.


Mensagem:

Bill olha passa em minha casa ás 13:00h. Moro na Penha de França nº 10, 1º Esq.
Se não souberes onde é manda-me uma mensagem que eu digo-te outro local para nos encontrarmos. Bjs


O Bill foi pontual… Eram 13:00h e ele já estava á porta de minha casa…

Bill: Olá! Onde é que me vais levar?
Sandra: Eu levo-te onde tu quiseres ir…
Bill: E que tal se formos á praia?
Sandra: Excelente ideia!

Eu indiquei-lho o caminho para a praia e quando lá chegámos, fomos á esplanada comer…
Estávamos a comer, quando de repente ele pega-me na mão e diz que gosta muito de mim e que quer namorar comigo… Eu fiquei em estado de choque, porque não estava á espera e então não lhe respondi…

Bill: Então Sandra não dizes nada?
Sandra: Desculpa Bill, mas é que eu não estava nada á espera… e….
Bill: e…
Sandra: Lembraste que ontem quando me conheceste eu estava a chorar?
Bill: Sim… Mas…não estou a ver o que é que isso tem a ver com o facto de eu te pedir em namoro…
Sandra: É que eu estava a chorar… porque o meu namorado tinha acabado comigo no dia anterior, e no dia do concerto ele veio ter comigo e beijou uma rapariga…
Bill: Ok… Desculpa eu não sabia… E não queria que te lembrasses disso…Desculpa
Sandra: Deixa estar… Não é que eu não goste de ti…mas..não me sinto preparada para ter uma relação agora… Tenho medo de voltar a ser magoada…
Bill: Eu juro que se me deres uma oportunidade não te vou magoar…
Sandra: Sim… Mas não quero ter relações agora…
Bill: Eu percebo…
Sandra: Em princípio eu até vou passar uns tempos fora para ver se o esqueço…
Bill: Porque é que não vens connosco na digressão?
Sandra: Não sei se isso é boa ideia…
Bill: É por eu gostar de ti?
Sandra: Sim… Não quero dar-te esperanças…
Bill: Não te preocupes com isso, tu já me disseste que não estás preparada para ter uma relação agora e eu percebo!
Sandra: Ok… Mas mesmo assim não sei se a minha mãe me deixa…
Bill: Mas se a tua mãe deixar tu vens connosco?
Sandra: Sim… Acho que me vai fazer bem sair um pouco da rotina…e para além disso vai ser óptimo conhecer novos países…
Bill: Ainda bem! Quando é que falas com a tua mãe?
Sandra: Talvez logo á noite…
Bill: Ok. Mas depois diz-me alguma coisa…
Sandra: Ok.


Comentem…?

4º Capitulo

Já estava a ficar cansada, por isso pedi desculpas ao Bill, por não lhe continuar a mostrar a cidade e fui para casa… Tinha tanto para pensar…O meu namorado acaba comigo e beija outra rapariga á minha frente…O Bill diz que gosta de mim e pede-me para ir na digressão com ele…Que confusão!!! Ás vezes pergunto-me porque é que o João e o Bill tiveram de aparecer nas minhas vidas…
Depois de muito pensar, cheguei á conclusão de que talvez o Bill tivesse aparecido na minha vida para me ajudar a esquecer o Ricardo… Se isto tivesse acontecido antes de eu conhecer o João, nem ia pensar duas vezes… Nesta altura estava eu agarrada ao Bill…Quando eu ouvi falar dos Tokio Hotel, a primeira pessoa que me chamou a atenção foi o Bill… Eu adoro tudo nele…Mas depois conheci o João… Mudou tudo… E eu nem me lembrei do Bill…Eu nunca tinha imaginado que o ia conhecer e que ele gostasse de mim, afinal qual é a probabilidade de uma rapariga portuguesa, com 13 anos conhecer o Bill e ele apaixonar-se por ela…Mas já que isso aconteceu vou aproveitar ao máximo a nossa amizade…Ainda não sou capaz de namorar com ele, mas daqui a uns tempos talvez…nunca se sabe o que o futuro nos reserva…

Fui falar com a minha mãe:
Sandra: Mãe preciso de falar contigo…
Mãe: Diz lá… O que é que me vais pedir desta vez?
Sandra: Olha, lembras-te que eu ontem á noite fui sair com o Bill dos Tokio Hotel?
Mãe: Sim…o que é que se passou?
Sandra: Bem… Ele pediu-me para ir na Digressão com eles…Eu gostava muito de ir, se tu me deixasses…
Mãe: Bem…Nem sem o que dizer…Queres mesmo ir?
Sandra: Sim, mãe! Era mesmo muito importante para mim!
Mãe: Bem… A digressão leva quanto tempo?
Sandra: Aproximadamente um mês…
Mãe: Acho que sim…Sim… tudo bem podes ir!
Sandra: A sério mãe? Obrigada!!! ?
Mãe: Mas quando é que partem?
Sandra: Hoje á noite!
Mãe: Ok!

Bem fiquei tão contente!!! Fui logo para o quarto fazer as malas!!! E claro liguei ao Bill para avisar!

Telefone:
Bill: Estou?
Sandra: Olá Bill!
Bill: Olá! Então já sabes a resposta da tua mãe?
Sandra: Sim…Ela não deixou…
Bill: Que pena… ?
Sandra: Estava a brincar ela deixou!!!
Bill: Boa!!! Começa já a fazer as malas porque partimos esta noite!!!
Sandra: Sim, já sei…
Bill: Queres que eu vá aí para te ajudar a fazer as malas?
Sandra: Não, deixa estar…eu também não vou levar muita coisa!
Bill: Ok!


Fiz as malas e fui-me despedir da família…Já estava a ficar de noite…eram 22:00 horas quando o autocarro dos Tokio Hotel me veio buscar…


Já no autocarro:
Sandra: Olá!
Todos: Olá!
Tom: Sê bem-vinda, ao nosso humilde autocarro!!! (Rimo-nos todos).
Bill: Anda vou mostrar-te o teu “quarto”...
Sandra: Ok!

Ele mostrou-me o meu “quarto”…era muito simples…nada de especial…mas a companhia deles valia a pena!!! Arrumei as minhas coisas e fomos para a “sala” ver Tv. Eram 3:00horas e nós ainda estávamos a ver Tv.… Estávamo-nos a dar todos super bem! Aquele espírito de equipa era incrível…Eram 06:00 horas quando nos fomos deitar…
No dia a seguir eram 10:00 horas, e eu, o Gustav já estávamos acordados… o Bill. O Tom e o Georg, como eram muito dorminhocos resolveram ficar na cama até ao12:00 horas.
Depois de me vestir, liguei para a Bea, pois hoje era o dia do seu aniversário, e já que estávamos na Alemanha e ela também pensei em apresentá-la aos Tokio Hotel, por isso fui falar com eles..

Sandra: Gustav, tu importavas-te se uma amiga minha vos conhece-se? É que ela é vossa fã e ela faz anos hoje… Por isso eu pensei em fazer-lhe essa surpresa…
Gustav: Por mim tudo bem…Podes-lhe ligar a dizer que sim!
Sandra: Mas o resto da banda está a dormir… Era melhor falar com eles primeiro não?
Gustav: Não é preciso!!! Nós adoramos conhecer as nossas fãs… De certeza que eles não se vão importar!
Sandra: Ok! Então eu vou-lhe ligar!

Ao telefone:

Bea: Olá!
Sandra: Parabéns! Olha antes de mais quero fazer-te um convite… Estás na Alemanha não estas?
Bea: Sim, porquê?
Sandra: Porque eu também estou!
Bera: A Sério? O que é que estás cá a fazer?
Sandra: Bem…isso é uma longa história….Mas olha sabes que os Tokio Hotel amanhã vão actuar cá, não sabes?
Bea: Sim, sei!
Sandra: Então e que tal se tu vieres ter comigo á porta do pavilhão onde se vai realizar o concerto?
Bea: Ok… Eu vou… Mas é para quê?
Sandra: Surpresa…
Bea: Ok!

Entretanto a banda acordou…

Sandra: Bom Dia!
Todos: Bom dia!
Sandra: Olha eu preciso de falar com vocês…
Bill: Diz lá…
Sandra: Uma amiga minha faz anos hoje, e ela adora-vos, por isso eu tinha pensando em apresentar-vos a ela… Era uma espécie de prenda… Importam-se?
Tom: Não! Claro que não!
Sandra: Ok! Obrigada, sendo assim eu vou agora buscá-la á porta do pavilhão, onde vocês vão dar o concerto…Querem vir ou esperam por ela aqui?
Georg: Nós vamos!
Tom: Ya!

Já no carro do Bill:

Tom: Então Sandra… Como é que é a tua amiga?
Bill: Tom, já começas?
Tom: Cala-te!
Sandra: É gira… Quer dizer… não é que eu aprecie raparigas, mas pela quantidade de rapazes que já gostaram dela…
Tom: Ok! Já estou a ver que ela é uma daquelas brasas de olhos azuis!
Sandra: Adivinhas-te!

Quando saímos do carro e o Tom a viu… Bem ele não conseguia fechar a boca…
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
SandraK.
Escritor


Número de Mensagens : 12
Data de inscrição : 10/08/2008

MensagemAssunto: c   Ter Set 30, 2008 1:17 pm

Capitulo 5

Bea: Sandra, tu conheces os Tokio Hotel?
Sandra: Parece que sim!
Bea: E não me dizias nada?
Sandra: Eu conheci-os á pouco tempo, e assim aproveitei e foi uma surpresa!
Bea: Sim! A melhor surpresa que me podias ter dado!
Sandra: Olha e que tal se em vez de falares comigo falares com eles…
Bea: Pois tens razão… Desculpem….
Todos: Não faz mal!
Tom: És muito gira…Que idade tens?
Sandra: Tom Kaulitz, achas que se pergunta a idade a uma rapariga? Estou a ver que vou ter de te ensinar as boas maneiras…
Tom: Desculpa
Bea: Não faz mal, tenho 16!
Tom: Hum, boa! (segredando ao Bill)
Sandra: Eu ouvi isso menino Tom!
Bea: Obrigada (corando um pouco). Mas afinal Sandra, o que é que estás aqui a fazer?
Sandra: Bem… Estou de digressão com os Tokio Hotel…
Bea: Ah, ok!
Sandra: Bem, é melhor irmos para dentro porque não convém vocês estarem aqui fora…
Tom: Pois tens razão…

Entretanto no carro:

Tom: A Bea é que podia vir connosco também na digressão, não era malta?
Bill: Por mim… Parece-me bem!
Georg: por mim também… Então e tu Gustav, não dizes nada?
Gustav: Por mim é igual…
Tom: Queres vir Bea?
Bea: Se a Sandra não se importar…
Sandra: Importo-me e muito…. Estou a brincar… Claro que não me importo! Achas mesmo?
Bea: Então sendo assim… Eu vou, mas ainda tenho de ir a casa buscar as minhas coisas, ok?
Todos: Ok!
Bill: Onde é que moras? É que assim passamos já em tua casa para buscarmos as tuas coisas…

Entretanto a Bea indicou-lhe o caminho para a sua casa… Quando lá chegámos ela foi buscar as coisas dela e depois seguimos para o Hotel…Mas houve um pequeno problema quando lá chegamos…





Capitulo 6

Bill: Olá! Queremos a chave dos nossos quartos, por favor.
Empregada: São 5 quartos, não é?
Bill: É!
Georg: então e a Bea?
Bill: Pois é! Queremos mais um quarto por favor!
Empregada: Desculpe mas os quartos estão temporariamente preenchidos!
Bea: Desculpem…Eu não quero dar trabalho… Eu regresso a minha casa…
Tom: Nem penses numa coisa dessas… Nem que eu tenha de ir dormir no sofá!
Bea: Mas eu não quero incomodar…
Empregada: Nós não temos sofás… A única coisa que podemos fazer é num dos quartos metermos cama de casal…
Tom: Vês, há solução para tudo!
Bea: Está bem… Mas vou partilhar o quarto com quem?
Georg: Eu não me importo de partilhar o quarto contigo!
Tom: Tens mesmo a certeza que não te importas, Georg? (e dá-lhe uma valente cotovelada)
Georg: Quer dizer…. Pois se calhar não é muito boa ideia… É que posso não me sentir muito á vontade…
Bea: Pois eu percebo… Eu vou-me embora…
Gustav: Não… ficas no meu quarto! (ignorando olhares de Tom)
Bea: Tens a certeza que não te importas?
Gustav: Claro que não!
Bill: Ok, está tudo resolvido…


Fomos todos para a cama… Afinal tinha sido um dia muito agitado…

Durante a noite na cozinha:

Bea: Tom? O que é que fazes aqui a uma hora destas?
Tom: Não conseguia dormir, por isso vim até á cozinha para beber água… E tu?
Bea: O mesmo…
Tom: Olha vou ver um filme, já que não consigo dormir, aproveito! Queres Vir?
Bea: Pode ser.

Seguiram para a sala e puseram-se a ver um filme de terror, estavam muito entretidos a ver o filme, quando começa a trovejar, num impulso a Bea puxa a mão do Tom…

Tom: O que se passa?
Bea: Nada… É por causa do filme…
Tom: De certeza? É que o filme não até nem tem muito terror…
Bea: Sou um pouco para o exagerado..
Tom: Tens medo de trovoadas?
Bea: Tenho e muito. Desculpa, eu vou me deitar.. Talvez me acalme.
Tom: Mas porquê é algum trauma?
Bea: Prefiro não falar sobre isso, é demasiado doloroso para contar assim, ainda me meto para aí a chorar, isso eu não quero…
Tom: Faz bem desabafar… mas eu compreendo, não te quero ver para aí triste…
Bea: Obrigada por compreenderes… Vou-me deitar...
Tom: Tens a certeza que ficas bem? Já sabes que podes vir para o meu quarto, se acontecer alguma coisa…
Bea: Não é necessário, mas obrigada na mesma. Até amanhã! (dando um beijinho na face do Tom)
Tom: Até amanhã! (Tom corresponde, e dá também um beijinho na face da Bea)

Bea. dirige-se para o seu quarto, aterrorizada com os trovões…Mas com o anoitecer, ela acaba finalmente por adormecer…
Na manhã seguinte, ao abrir os olhos, vê que Tom está no seu quarto…

Tom: Bom dia!
Bea: Bom dia! Que estás aqui a fazer?
Tom: Estava a ver-te dormir… E á espera que acordasses, para ficar a saber, se estás melhor…
Bea: Sim, estou melhor, obrigada… Mas já estás aqui á muito tempo?
Tom: Não! Mas porquê? Ficaste aborrecida?
Bea: Não! Claro que não! Só não estava á espera de acordar, e de ter o Tom Kaulitz no meu quarto! Isto é um sonho tornado realidade! (fazendo um sorriso maroto, para o Tom)
Tom: Fico feliz por saber, que faço parte dos teus sonhos!
Bea: Dos meus, e de mais metade das raparigas do Universo!
Tom: Não exageres!
Bea: Não estou a exagerar!
Tom.: Ok… Mas tens noção, de que és especial… Não é a qualquer fã, que eu pergunto, se quer vir connosco na Digressão!
Bea: Eu sei… E agradeço-te por o teres feito… (abraçando Tom)


Comentem ?

Capitulo 7

Tom: Bem vamos tomar o pequeno-almoço?
Bea: Sim, claro! Mas toma-mos o pequeno-almoço onde?
Tom: Podemos tomar o pequeno-almoço, no café, aqui do Hotel…
Bea: Ok!

Entretanto no meu quarto:

Toc Toc
Sandra: Quem é?
Bill: Sou eu, o Bill!
Sandra: Ah, ok! Podes entrar.
Bill: Bom dia!
Sandra: Bom dia!
Bill: Então, dormiste bem?
Sandra: Sim, e tu?
Bill: Também, mas tinha dormido melhor, se tivesse dormido contigo!
Sandra: Bill, já falámos sobre isso!
Bill: Pois, tens razão… Desculpa!
Sandra: Ok…

Toc Toc
Sandra: Quem será agora?
Bill: Não sei…
Sandra: Quem é?
Tom: Somos nós. O Tom e a Bea…
Sandra: Entrem!
Tom e Bea: Bom dia!
Sandra e Bill: Bom dia!
Tom: Bill, que estás aqui a fazer?
Bill: Estava a conversar com a Sandra…
Tom: Ah, ok ok…Bem, nós viemos aqui para os perguntar se querem ir connosco, ao café aqui do Hotel…
Sandra: Por mim tudo bem!
Bill: Comigo também! Mas e que tal se formos chamar, o Gustav e o Georg?
Bea: Nós já os fomos chamar… Eles disseram que iam lá ter!
Bill: Ok!
Tom: Então vamos andando…
Sandra: Vamos!

Dirigimo-nos para o café… Eu e a Bea, íamos á frente, enquanto que os rapazes iam atrás, a cochichar alguma coisa…

Tom: Então, maninho…Já pediste a Sandra em namoro ou não?
Bill: Já…
Tom: Vocês namoram?
Bill: Bill: O que e que achas?
Tom: Acho que tu és um franganote… Nem uma uma miudinha consegues conquistar…Mas o que é que se passou para ela, recusar namorar contigo? As coisas estavam a correr tão bem…
Bill: Eu pedi-lhe me namoro, naquele ia em que fomos á praia… Mas ela recusou, porque o namorado dela, tinha acabado com ela á pouco tempo…
Tom: Ah, ok… Mas até pode ser que ela goste de ti… Só que anda não esteja preparada… Mas se ela recusou o teu pedido de namoro, o que é que ela faz aqui?
Bill: Eu convidei-a para vir connosco, porque ainda tenho esperança que ela se apaixone por mim…
Tom: Bem, jogada de mestre… Nem eu fazia melhor…
Bill: Cala-te! Mas é verdade tu estás a falar mas também ainda não conseguiste, nada com a Bea!
Tom: Ainda não namoro com ela porque não quero!
Bill: Sim, Sim!
Tom: É verdade! Quanto é que apostas que hoje á noite, quando for o concerto, ela já vai estar a namorar comigo?
Bill: Aposto 100 euros!
Tom: Está apostado!
Bill: Prepara-te para perder! Looser!!!
Sandra: Bem, vocês são mesmo lentos! Andem mais depressa… Se não, em vez de tomarmos o pequeno-almoço, vamos é almoçar!!!
Tom: Ok! Vamos já! Não stresses ! Isso provoca rugas! ?
Sandra: Ah que engraçadinho! O menino deve pensar que tem muita piada! Cala-te e anda!

Entretanto chegámos ao café… Quando lá chegámos, o Georg e o Gustav, já estavam á nossa espera…

Gustav: Bem, vocês demoraram bué!
Sandra: Foram os vossos amiguinhos Bill e Tom… Vieram a conversar o caminho todo! Estávamos a ver, que só cá chegávamos á hora de almoço!
Gustav: Epá! Vocês são cá uns molengões!
Georg: bem, estou a ficar com fome, vou mas é pedir o pequeno-almoço! O que é que vocês querem?
Sandra: Bem… Eu quero uma tosta de queijo e um sumo de laranja natural…
Bea: Eu quero o mesmo!
Tom: Eu quero um pacote de leite e uma tosta mista…
Georg: E tu Bill? O que é que vais comer?
Bill: Pode ser uma tosta mista e um Ice-Tea…
Georg: Ok! Podem-se sentar que eu peço!
Bea: Ok!

Fomo-nos sentar, mas o Georg ainda demorou um pouco…

Bem, este é fim de mais um capitulo… Porque será que o Georg vai demorar mais um pouco… Leiam no próximo capítulo! ?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
SandraK.
Escritor


Número de Mensagens : 12
Data de inscrição : 10/08/2008

MensagemAssunto: c2   Ter Set 30, 2008 1:18 pm

Capitulo 8

Georg ficara encantado com a rapariga do balcão… E sem ele saber, ela também ficara encantada por ele!

Georg: Olá…Queria 3 tostas de queijo, 2 tostas mistas, 2 sumos de laranja naturais, 1 Ice-Tea, um pacote de leite e um Red-Bull, sff.
Empregada: Ok! É para já….
Georg: Bem… Isto hoje está muito cheio! (Diz Georg tentando meter conversa)!
Empregada: Sim, como é fim-de-semana!
Georg: Pois…

Como Georg, estava a demorar bastante tempo, o Gustav foi ver o que se passava…

Gustav: Então? Estou cheio de fome!
Georg: Espera só um bocadinho! Olha, posso saber o teu nome? (diz Georg para a empregada) …
Gustav: Georg! Nós não viemos cá para saber o nome das empregadas! Desculpe!
Empregada: Não faz mal, eu sou a Sónia! Prazer!
Georg: Prazer é todo meu! (Dando-lhe um beijinho suave na mão)
Gustav: Epá, anda lá!
Georg: Bem, parece que vou ter de me ir embora... (E entrega-lhe um bilhete com o seu número de Telemóvel).
Sónia: Não faz mal! (e guarda o bilhete)

Já na mesa:

Tom: Porque é que demoraste tanto?
Georg: Por nada!
Gustav: Aldrabão! Porque é que lhes estás a mentir?
Georg: Cala-te! São assuntos meus!
Tom: Bem, agora eu quero saber!
Bea: Eu também!
Georg: Ai se a curiosidade matasse!
Gustav: Bem ele estava…
Georg: Cala-te pá!
Gustav: Ele estava a fazer-se á empregada do café!
Tom: Epá, não tens de ter vergonha, ela é toda boa! (diz ele com ar de maroto)
Bea: Vocês são demais! Até no café, Georg? (Diz Bea, tentando disfarçar, o quão mal se sentia por dentro…Ela estava destroçada! Ela começara a gostar do Tom, e ele estava a gabar outra rapariga)
Georg: Sabes como é, temos de estar sempre em acção! (diz ele um pouco envergonhado)
Bill: Vá calem-se lá! Deixem o Georg em paz! Coitado!
Tom: Pois…Pois… Vamos mas é morfar!
Sandra: Ya!

Quando acabámos de comer, fomos direitos para o pavilhão, pois a banda, tinha de ir ensaiar…

Nos bastiores:

Bill: Então maninho, ainda não cumpriste a aposta! (diz sorrateiramente, para ninguém ouvir).
Tom: Calma! Eu vou ganhar!
Bill: Sim, sim… In your dreams!
Tom: Já vais ver!

Entretanto Tom vai á rua… Vai preparar uma surpresa para a Bea…

Para saberem qual é a surpresa que o Tom, vai fazer á Bea, Leiam o próximo capitulo! ?

Capitulo 9

Quando o Tom chega, dirige-se até á Bea, que se encontrava junto da Sandra e do resto da banda!

Tom: Bea, eu vou direito ao assunto! Amo-te! Queres namorar comigo? (e entrega-lhe um arranjo de rosas vermelhas que tinha comprado, na florista lá da rua…)
Bea: Bem… Nem sei o que dizer! Tu és muito mulherengo… Sei lá se gostas de mim de verdade!
Tom: Eu acho que já te dei várias provas de amor! Primeiro: Pedi-te em namoro á frente da banda! Foi a primeira vez que eu o fiz! Segundo: Disse-te a palavra amo-te! Coisa que eu nunca tinha feito a ninguém… Eu estava á espera da pessoa ideal, para dizer esta palavra… Tu és a tal! Eu disse, a palavra amo-te uma vez e contigo era capaz de a repetir para o resto da minha vida!!!
Bea: Bem, eu nunca pensei, que um dia, viria a namorar com o Tom Kaulitz!
Tom: Isso quer dizer que aceitas, o meu pedido de namoro?
Bea: Sim! ? (e dá um beijo quente e suave ao Tom)
Tom: Amo-te muito!
Bea: Eu também!
Bill: Meninos lamento interromper, mas é melhor ensaiarmos Tom!
Tom: Pois… Até já Amor!
Bea: Até já! Bom ensaio. (e dá-lhe um beijo)

Durante o ensaio:
Bill: Bem… Tom… Parabéns! Ganhaste a aposta! Toma lá os 100 euros! (disse Bill, tentando evitar, os olhares e ouvidos atentos de Sandra e Bea. Afinal, elas nem sonham com a existência desta aposta)!
Tom: Acho bem, eu disse-te que ganhava…
Bill: Bem, mas agora é melhor acabares com a Bea! Não ande com a miúda só para gozares com ela, como fazes com as outras todas!
Tom: Nem penses… Ela beija tão bem… Agora vou aproveitar! Depois de fazer amor com ela é que eu a deixo!
Bill: Não faças isso, a miúda só tem 16 anos!
Tom: E daí? Já comi gajas bem mais novas!
Bill: Ok! Mas e tu disseste-lhe a palavra amo-te, não teve nenhum significado para ti?
Tom: Meu! É só uma palavra! Estão 100 euros em jogo…
Bill: Para ti pode não ter tido significado nenhum, mas sabes que para ela essa palavra, foi uma prova do teu amor... Tu nunca tinhas dito essa palavra a ninguém...Por isso é que ela aceitou namorar contigo!
Tom: Epá, deixa-te disso! Eu namoro com ela e isso é que interessa! Ganhei a aposta! Não me venhas com essas conversas! Estás é cheio de ciúmes! E além disso isto é só uma "curte", não tem significado nenhum!
Bill: Eu não tenho ciúmes! Sabes bem que eu gosto é da Sandra... Ás vezes, nem parece que somos gémeos! Somos tão diferentes! Eu nunca seria capaz de ferir os sentimentos de alguém! Ao contrário do que tu estás a fazer á Bea...Isso não se faz a ninguém... Para ti isso é só uma "curte", mas tu sabes bem, que para ela, isto é mais do que uma simples "curte".
Tom: Mano, deixa-te de lamechices! Vamos é acabar com a conversa, antes que tu desates para aí a chorar! (expressando um sorriso).
Bill: Deixa-te disso! Vê lá é se acabas com a Bea bem depressa... Porque se não fores tu a contar vou ser eu! Não penses que desta vez vai ser como as outras!
Tom: Está bem, está bem! (disse desprezando o irmão).

Já depois do concerto, estávamos no hotel e Sandra, Bea, Georg e Gustav, estavam a preparar uma festa surpresa, pois os manos Kaulitz, fazem anos no dia a seguir...

Bea: Gustav, onde é que nós havemos de gurdar os balões para que o Tom e o Bill, não descubram a surpresa?
Gustav: Mete aí nessa caixa...
Georg: Tu não deves estar a bater bem da cabeça! Se meteres os balões nessa caixa, como é óbvio, o Tom e o Bill, vão encontrá-los!
Gustav: Tu só sabes é falar! Mas e que tal, se começares a dar ideias! Só metes é defeitos! Já estou farto de te ouvir a dizer: " Não metas isso aí que fica mal", " Não faças isto, não faças aquilo" Cala-te de uma vez e trabalha!
Sandra: Calem-se os dois! Só sabes é discutir! Bea, e que tal se gurdares os balões no meu quarto?
Bea: Sim, pode ser! E vocês os dois, vejam se pensam nos vossoa amigos! Eles fazem anos, não lhes estraguem a festa!
Georg: Está bem, está bem! Estás a ver o que estás a fazer Gustav? Estás a irritar a Bea e a Sandra! É isso que queres?
Gustav: Cala-te Mr. Hobbit!
Georg: Não me chames isso! Não me provoques!
Gustav: Está bem! Mr... quer dizer Georg!
Georg: Acho bem!
Sandra: Men! Vocês são mesmo crianças! Cresçam de uma vez, que já têm idade para isso!
Georg: Tens razão! Gustav, nós temos de nos começar a dar bem, se não estas nossas discussões, ainda vão fazer com que a banda acabe!
Bea: Não digas isso nem a brincar! (e bate três vezes na madeira)
Gustav: Sim, pois!
Sandra: Gustav, a Bea tem razão!
Gustav: Está bem, mas ele também tem de acabar com esse feitio!
Georg: Olha que não sou o único! Mas vamos é acabar com a discussão que já está a cheirar mal!
Gustav: Também acho!

(...)

Entretanto, depois de todos os preparativos estarem prontos, foram todos para os seus respecivos quartos...
No dia a seguir, de manhã, Bea, que acabara de acordar, dirije-se para o quarto do Tom, para lhe dar os Parabéns... Mas depara-se com uma conversa muito interessante!

Bem, este é o fim de mais um capítulo... Que conversa irá a Bea ouvir?

No quarto do Tom:

Bill: Tens de lhe contar!
Tom: Bill, não insista! Já disse que não lhe vou contar!
Bill: Vais sim, se não lhe contares tu, conto-lhe eu!
Tom: Lá por seres meu irmão, isso não te dá o direito de te meteres na minha vida pessoall!
Bill: Olha tens até a meia-noite de hoje, para lhe contares, que não passou tudo de uma aposta!
Tom: Fala baixo!
(Bea, que estava a ouvir a conversa atrás da porta, não resiste e bete á porta...)

Tom: Estás aqui á muito tempo?
Bea: O tempo suficiente, para saber que não passou tudo de uma aposta! (Bea, num impulso dá um estalo a Tom, e corre rapidamente, para o Jardim)
Tom: Bill, estás a ver o que fiseste! (e vai a correr atrás de Bea)

Bea, neste momento, a única coisa que queria era estar só... Queria esquecer tudo á sua volta! Estar só, com os seus pensamentos! Não queria ver o Tom, não queria saber dele! Aquele ídolo, que durante tanto tempo admirou, neste momento era a pessoa que mais odiava neste mundo.
Estava Bea, encostada a uma árvore, a chorar, quando sente uma mão a tocar-lhe...

Tom: Bea, desculpa! Eu não queria dizer aquilo... Foi um erro!
Bea permaneceu em silêncio... Não conseguia dirigir uma palavra a Tom...
Tom: Não dizes nada? Eu percebo que estejas magoada comigo... Mas por favor não me deixes de falar.... Faz-me tudo menos isso!
Bea depois de muito tempo em silêncio, acabou por dirigir a palavra a Tom.
Bea: Achas bem o que me fizeste?! Estavas a brincar com os meus sentimentos! Quando é que fazias intenção de me contar?
Desta vez foi Tom que permaneceu em silêncio...
Bea: Não me ias contar pois não? Querias usar-me como fazes com todas as outras, era isso não era?
Tom: Eu amo-te Bea! No príncipio a minha intenção era uma curte... mas... depois eu apaixonei-me por ti! A sério!
Bea: E a aposta?! Pods explicar-me a aposta?
Tom: Eu sabia que se contasse a alguém que gostava de ti, que iriam pensar que eu queria-te simlesmente para uma curte! Não iriam perceber os meus sentimentos! E a aposta... Eu simplesmente queria o dinheiiro! Mais nada| Eu sou humano sabes! Também erro, e este foi um dos maiores erros da minha vida! Desculpa!
Bea: Estou muito desiludida contigo! Esperava isso de todos, menos de ti! E devias ter arriscado e contar tudo! Eu já não confio em ti... Não és mais o rapaz querido e honesto que eu conhecia! Não és o mesmo Tom!
Tom: Eu sou o mesmo! E tu lá no fundo sabes disso, eu sei que sabes! Simplesmente cometi um erro! Um erro que não deveria ter cometido eu sei! Mas estou arrependido, a sério que estou!
Bea: Tom, eu não quero falar mais contigo! Pelo menos por agora! Eu vou para dentro pensar... E depois logo vejo o que faço!
Tom: Mas não te vais embora pois não?
Bea: Não sei Tom... A sério que não sei!
Tom: Pensa,mas pensa bem!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bruna Sousa
Escritor


Número de Mensagens : 4
Data de inscrição : 17/05/2009

MensagemAssunto: FanFic "everythings change"   Dom Maio 17, 2009 6:24 am

wooow
adoro a fanfic
amo meme
super emocionante *-*
estou anciosa qe saia o capitulo 10
beijinhos
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: "Everythins Change"   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
"Everythins Change"
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Ford Mercury 49 RAT ROD "FINALIZADO 16/10!"
» Ferrari Breadvan "tunning"
» Ferrari Enzo - "FIORANO"
» ola, "bonjour"
» Meus "Fordinhos"

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
FanFics Fórum :: Fórum :: FanFics :: Fanfics TOKIO HOTEL-
Ir para: